Festival Percurso transforma praça do Campo Limpo em território de tradições africanas

A partir do tema #omaiorterreirodomundo, Festival Percurso – De Jardim a Jardim propõe troca de saberes entre a ancestralidade e a nova geração de visionários das periferias de São Paulo. O evento ocupa a Praça do Campo Limpo com mais de 40 atividades gratuitas.

Por Da Redação 06/12/2018 - 19:30 hs
Foto: Léu Brito
Festival Percurso transforma praça do Campo Limpo em território de tradições africanas
Apresentação do Maracatu Ouro do Congo

 

Entre os dias 8 e 9 de dezembro, a quinta edição do Festival Percurso, um dos maiores festivais de economia solidária das periferias de São Paulo chega a mais uma edição com a parceria firmada entre a associação C de Cultura e a Agência Popular Solano Trindade, que apoia o desenvolvimento da arte e negócios da periferia na Zona Sul da cidade.

Diante da sua atuação mais central, a C de Cultura, acredita que a parceria é um convite a um importante deslocamento, não apenas físico, mas também cultural, dos moradores dos centros urbanos da capital para as áreas periféricas da cidade.

Com mais de 40 atividades gratuitas na Praça do Campo Limpo, palco histórico de saraus, eventos literários e de artistas como Racionais MCs, Criolo, entre tantos outros, o festival propõe troca de saberes entre a ancestralidade e a nova geração de visionários que atuam em meios as adversidades dos territórios periféricos.

Todo esse intercâmbio estará concretizado em mais de 10 shows, entre eles os de Rincon Sapiência, Bia Ferreira, Tião Carvalho, Mãe Beth de Oxum, Curumin, De Jardim a Jardim e Xaxado Novo. Além dos shows, o festival contempla intervenções de dança e teatro,capoeira, afoxé, roda de samba, exposições de fotos e, principalmente, em encontros de gerações, origens e culturas diferentes.

Haverá desde a troca de experiências entre chefs de cozinha do centro, como Bel Coelho do Clandestino, e da periferia, como Tia Nice da Cozinha Criativa da Agência Solano à comitiva de povos de terreiro, indígenas e lideranças periféricas que estará reunida em rituais de fortalecimento, cura e troca de saberes.

Além disso, trajetórias inspiradoras de vida em relatos sobre negócios, propósitos, saúde mental ou juventude periférica, estarão na tenda do PERIFA Talks, a versão TED Talks com o tempero local que abre o pré-festival no sábado, a partir das 10 da manhã.

No domingo, a praça estará dividida em 9 grandes tendas ou atividades temáticas. O Percurso terá programação infantil completa com brincadeiras populares e antigas, além de roda de diálogos sobre a maternagem na Tenda dos Êres, por exemplo.

Já na Tenda das Yabás, dedicada às mulheres, haverá  apresentação do Slam das Minas SP e, entre outras, atividades da União Popular de Mulheres, que já na década de 60, criou uma “tecnologia do encontro” capaz de implementar políticas públicas de incentivo ao empreendedorismo no bairro.

Tudo isso, ainda, fomentando a economia da região do Campo Limpo, Capão Redondo e arredores, com três feiras de empreendedores locais: uma de gastronomia, outra de agricultura familiar e a terceira de arte e artesanato.    

Confira a programação completa no site www.festivalpercurso.com.br.

           

 

Agenda

Festival Percurso – De Jardim a Jardim

Local: CITA – Cantinho Integração de Todas as Artes

Data: 8 de dezembro

Horário: 12h às 22h 

Local: Praça do Campo Limpo

Data: 9 de dezembro

Horário: 16h às 22h 

Classificação: Livre